Pular para o conteúdo principal

Vi na Livraria | Memórias e Confissões íntimas de um pecador justificado - James Hogg

Editora: Bruguera
Páginas: 336
Skoob
Publicado originalmente em 1824 com o título de The Private Memoirs and Confessions of a Justified Sinner


Set in early eighteenth-century Scotland, the novel recounts the corruption of a boy of strict Calvinist parentage by a mysterious stranger under whose influence he commits a series of murders. The stranger assures the boy that no sin can affect the salvation of an elect person. The reader, while recognizing the stranger as Satan, is prevented by the subtlety of the novel's structure from finally deciding whether, for all his vividness and wit, he is more than a figment of the boy's imagination. This edition reprints the text of the unexpurgated first edition of 1824, later 'corrected' in an attempt to placate the Calvinists.
Eu não encontrei uma sinopse traduzida, mas pelo que pude entender o livro trata da corrupção de um menino por um estranho. Por sua influência, o menino comete uma série de assassinatos. O leitor reconhece o estranho como Satã, mas não se sabe se é real ou só da imaginação do menino, para justificar suas ações. Esse livro está na lista do projeto 1001.

Comentários

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Resenha | Papillon - Henri Charrière

Editora: Bertrand Páginas: 728 Estrelas: ✬✬✬✬ Skoob Publicado originalmente em 1969 com o título de Papillon

Charriere, condenado à prisão perpétua por um assassinato que não cometeu, foi um dos poucos que conseguiram fugir da Ilha do Diabo, presídio localizado na floresta impenetrável da Guiana Francesa, onde os presos pagavam por seus crimes sofrendo degradações e brutalidades. No livro, ele relata como foi acusado, fala de seu martírio ao longo dos anos de confinamento, além da corrupção entre os guardas e como planejou sua fuga cinematográfica. Quando publicado na França, “Papillon” foi alvo de grande controvérsia. Nunca se soube ao certo se os acontecimentos narrados de fato ocorreram com o autor, como ele alega – o que faria do livro um romance autobiográfico –, ou se a trama é fruto de sua fértil imaginação. “Papillon” é um dos relatos mais impressionantes e realistas de toda a literatura, um feito incrível de engenhosidade humana, força de vontade e perseverança. A história de um …

Top 5 | Livros Apaixonantes

Amanhã é dia dos namorados, por isso, sugiro leituras apaixonantes, que aquecem o coração, seja por seus personagens marcantes ou pelo romance do livro. São livros que li recentemente e que saltaram à mente quando pensei nesse tema.

Resenha | Eu Fui a Melhor Amiga de Jane Austen - Cora Harrison

Editora: Rocco
Páginas: 320
Estrelas: ✬✬✬
Skoob
Publicado originalmente em 2010 com o título de I Was Jane Austen's Best Friend

Chega ao Brasil o livro: "Eu fui a Melhor Amiga de Jane Austen" da autora Cora Harrison. A história tem o objetivo de introduzir os mais jovens ao empolgante mundo dos livros de Jane Austen. O livro traz uma combinação entre fatos históricos e ficção, apresentando a relação entre as adolescentes Jane Austen e sua prima Jenny Cooper.