Pular para o conteúdo principal

Leituras de Dezembro/2014


Começar o ano ainda em ritmo de 2014. Contar pra vocês sobre as leituras de dezembro.



1- Sedução ao Amanhecer - Lisa Kleypas (Os Hathaways #2)
2- Casamento Hathaway - Lisa Kleypas (Os Hathaways #2.5)

Eu comecei a gostar mais da série dos Hathaways neste segundo livro. Adorei como os personagens do primeiro volume aparecem com destaque no segundo e adorei conhecer a família mais.

O casal deste livro já iniciou sua história no primeiro, temos a continuação nele. E o conto fala bastante sobre uma personagem que ainda não tinha aparecido muito nos livros. Adorei as leituras.

3- Livro das Princesas - Patricia Barboza, Paula Pimenta, Lauren Kate, Meg Cabot

Depois de ler Princesa Adormecida da Paula Pimenta, fiquei curiosa em ler o Livro das Princesas. Aproveitei que tinha o ganhado no sorteio na Dani, do Só Lendo e devorei. Achei muito divertido.

4- O Clube dos Suicidas - Robert Louis Stevenson

Essa é uma novela do Stevenson. Divida em duas partes, a primeira fala sobre um Clube de Suicidas, em um jogo de cartas a cada noite um assassino e um assassinado são escolhidos. E assim, vão se matando uns aos outros. É uma leitura rapidinha e divertida também.

5- O Livro dos Vilões - Cecily Von Ziegesar, Diana Peterfreund, Carina Rissi, Fabio Yabu

Este fica um pouco atrás do Livro das Princesas, mas continua divertido. Dando às vilãs novos ares e enredos atuais. 

6- A Espanhola Inglesa - Miguel de Cervantes

Meu primeiro contato com Cervantes e gostei! Essa é uma novela da mesma coleção do livro anterior, é um romance. Conta a história de um casal que sofre provações para poder ficar junto.

7- O Presente - Cecilia Ahern

Leitura natalina. Já resenhei no blog, gostei da história apesar de ser um romance bem clichê. Me colocou em ritmo de festa hehe 
8- Nicolau São Norte e a Batalha contra o Rei dos Pesadelos - William Joyce (Os Guardiões #1)

Ainda no clima natalino, busquei nessa aventura o cheirinho de Natal. Acho que ele pode ser lido em qualquer data, porque de natalino só tem seu personagem principal, Nicolau São Norte. Mas é a história dele antes de ser o Papai Noel como conhecemos hoje. É um livro de fantasia infanto-juvenil com um mundo super legal.

9- Deixe a Neve Cair - John Green, Maureen Johnson, Lauren Myracle

Adorei essa leitura. Adorei como os contos se entrelaçam. Adorei o cenário e os personagens.

10- Mistério de Natal - Jostein Gaarder

Meu primeiro contato com o autor. Ele conta duas histórias em paralelo, de um menino que encontra um calendário natalino que a cada dia conta uma história, e a história do calendário, de uma menina que correndo atrás de uma ovelhinha viaja no tempo e no espaço até quando Jesus nasceu.

11- Perdão, Leonard Peacock - Matthew Quick

Gostei tanto desse livro que me surpreendeu. Conta a história de Leonard Peacock, que hoje, no seu aniversário, vai matar um amigo e se matar em seguida.

12- Para Onde Ela Foi - Gayle Forman

Continuação de Se eu Ficar. Achei os dois livros bem diferentes, mas gostei de ambos. O primeiro tem toques de sobrenatural, enquanto o segundo pouco ou nada tem. Mas ambos são divertidos e diferentes.

13- O Sopro dos Deuses (O Ciclo dos Deuses #2) - Bernard Werber

Finalmente peguei a continuação de Nós, os Deuses. Essa é uma série onde os alunos-deuses tem aulas com os antigos deuses gregos para se tornarem deuses - acho que nunca escrevi deuses tantas vezes em uma frase. É muuuuuito legal! Recomendo demais.

14- Luxo - Anna Godbersen

Atraída pela capa magnífica e por ser a Gossip Girl do século XIX, comecei essa série. Também foi outra que me surpreendeu bastante, é contada por várias perspectivas diferentes e com a mesma profundidade em todas. Desde a elite da quinta avenida até seus criados, numa trama muito embolada e misteriosa.

15- A Cidade Inventada - Cristovão Tezza

E, aproveitando o kindle unlimited, li meu primeiro livro do Cristovão Tezza. Tirando o conto que deu nome ao livro, pouco aproveitei dos outros. Realmente, contos não são meu estilo preferido hehe

E você? O que leu em dezembro? Qual foi seu favorito? Deixe nos comentários!
@alpargatas13



Comentários

  1. Olá Rafa!! Infelizmente ainda não li nenhum dos citados acima, mas achei interessantes O Ciclo dos Deuses, essa saga Guardiões (terá alguma relação com a animação que tanto adoro, A Origem dos Guardiões?) e o Clube dos Suicidas. Eu preciso aproveitar a Kindle Unlimited, mas não tenho Kindle :[

    Enfim, um ano de 2015 incrível pra todos nós ;)
    Bjo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu estou amando o Ciclo dos Deuses, quero ver se termino a trilogia ainda em janeiro *.*
      E, sim!! Tem a ver com o filme, sim. Ainda não assisti, mas assim que li o livro fiquei com vontade. Eu ainda não estou aproveitando tanto assim o Unlimited, mas promete ser muito bom assim que o acervo aumentar um pouco :D

      Que 2015 traga mais leituras ótimas hehe

      Bjs!

      Excluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Resenha | Primeiro ano - Scott Turow

Editora : Record Páginas : 220 Estrelas : ✬✬✬✬ Skoob Publicado em 1977. Ao narrar as angústias, as dificuldades, os desafios e os triunfos que marcaram seu primeiro ano na Faculdade de Direito de Harvard, Scott Turow denuncia problemas surpreendentes no sistema de educação jurídica de uma das mais antigas e conceituadas instituições de ensino dos Estados Unidos. Um relato dramático e um importante depoimento do autor.

Resenha | A Arte de ter Razão - Arthur Schopenhauer

Editora : Faro Editorial Páginas : 128 Estrelas : ✬✬✬ Skoob Publicado em 1831. A forma como nos comportamos socialmente não mudou muito desde Aristóteles. Partindo dos escritos do pensador grego, Schopenhauer desenvolve em sua Dialética Erística, 38 estratégias sobre a arte de vencer um oponente num debate não importando os meios. E, para isso, mostra os ardis da maior ferramenta que todos possuímos, a palavra. Usar argumentos e estratégias certas numa conversa é uma arma poderosa em qualquer momento. E tanto vale para quem quer reforçar um talento, evitar ciladas dialéticas, ou simplesmente estar bem preparado para negociações ou qualquer outra ocasião que exija argumentação... o que acontece em todos os momentos da vida. Essas estratégias não foram inventadas por Schopenhauer. Seu trabalho foi identifica-las, reuni-las de modo coerente, mostrando como são utilizadas, em quais momentos elas surgem em meio a uma discussão, de modo que você possa utilizar-se deste livro

Vi na Livraria | A Taberna - Émile Zola

Um livro depravado do século XIX.