Pular para o conteúdo principal

Mini-Opinião | Bolsa Blindada - Patricia Lages


Editora: Thomas Nelson
Páginas: 212
Estrelas: ✬✬✬
Publicado em 2012.

Em livro prefaciado por Renato e Cristiane Cardoso, autores de Casamento blindado, a jornalista Patricia Lages, especialidade em finanças, mostra como a mulher pode ser extremamente eficiente na administração do orçamento familiar. De forma bem-humorada e inteligente, Patricia mostra que o maior adversário da estabilidade financeira é o desconhecimento. Ela apresenta dicas e passos práticos que qualquer pessoa pode seguir para tomar as rédeas da vida financeira pessoal.


Eu já comentei por aqui minha resolução de lidar melhor com as finanças. Esse livro faz parte dessa mudança, assim como o Adeus, Aposentadoria.

Eu esperava encontrar um livro com dicas práticas para seguir, visando estabilidade financeira. Em parte, isso se concretizou. Porém, uma grande parte do livro é uma quase auto-biografia da autora. Ela parte das suas experiências pessoais para comentar o que aprendeu sobre o assunto.

Não vi muita novidade, todos que já pesquisaram no Google sobre o assunto vão encontrar no livro dicas que já sabiam, já leram antes. Ainda assim, ter isso sistematizado em um livro pode ser interessante.

Uma coisa que eu comecei a fazer depois de ler o livro foi bem básica: anotar todos os gastos. Fiz uma planilha no word mesmo e ao fim do dia, anoto tudo que gastei, valores, onde gastei e de que forma foi pago.

Só nisso, já deu para perceber que muitos dos meus gastos são impulsivos, daqueles que a gente faz sem nem perceber. Percebi duas coisas:

Um: dói mais gastar em dinheiro, porém, eu costumo comprar coisinhas variadas quando o tenho na carteira, seja um lanche na faculdade (convenhamos, essas lancherias são caras) ou algum item de papelaria que eu não era tão necessário assim. 

Dois: quando se compra no cartão, principalmente online, se perde a noção de quanto gastou, se for em crédito, o que virá nessa fatura ou na próxima, etc.

Com essas informações, agora quero estabelecer um orçamento para esses gastos bobinhos. Afinal, não acho que dê para cortar tudo de vez, são essas pequenas coisas que fazem a vida mais confortável... porém, dá para estabelecer um valor máximo. Ainda estou tentando, vamos ver se vai dar certo.

Enfim, o livro serviu muito mais para inspiração do que para aprendizagem. Porém, é gostoso de ler e, sério, inspiração nunca é demais, né?

E você? Já leu? Deixe sua opinião nos comentários!
Siga o blog no Google Friend Connect.



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Resenha | Papillon - Henri Charrière

Editora: Bertrand Páginas: 728 Estrelas: ✬✬✬✬ Skoob Publicado originalmente em 1969 com o título de Papillon

Charriere, condenado à prisão perpétua por um assassinato que não cometeu, foi um dos poucos que conseguiram fugir da Ilha do Diabo, presídio localizado na floresta impenetrável da Guiana Francesa, onde os presos pagavam por seus crimes sofrendo degradações e brutalidades. No livro, ele relata como foi acusado, fala de seu martírio ao longo dos anos de confinamento, além da corrupção entre os guardas e como planejou sua fuga cinematográfica. Quando publicado na França, “Papillon” foi alvo de grande controvérsia. Nunca se soube ao certo se os acontecimentos narrados de fato ocorreram com o autor, como ele alega – o que faria do livro um romance autobiográfico –, ou se a trama é fruto de sua fértil imaginação. “Papillon” é um dos relatos mais impressionantes e realistas de toda a literatura, um feito incrível de engenhosidade humana, força de vontade e perseverança. A história de um …

Top 5 | Livros Apaixonantes

Amanhã é dia dos namorados, por isso, sugiro leituras apaixonantes, que aquecem o coração, seja por seus personagens marcantes ou pelo romance do livro. São livros que li recentemente e que saltaram à mente quando pensei nesse tema.

Leituras da Semana #42

Nessa semana tirei do caminho um calhamaço de 800 páginas, Outlander - A viajante do tempo. Que livro bom, envolvente, da categoria é grande, mas é rapidíssimo de ser lido.

Conta a história de Claire, que vive em 1945, salvo engano. Ela é casada, mas passou afastada do marido graças à guerra, quando serviu de enfermeira. Eles estão finalmente indo construir um lar quando, num monumento escocês, um agrupado de pedras bem estranho, ela volta no tempo e reaparece 200 anos antes, na época dos clãs escoceses.

Lá, ela é obrigada a construir uma nova vida, pelo menos até que consiga voltar para o seu próprio tempo. Só que ela acaba envolvida numa outra guerra, e suspeitam que ela seja uma espiã inglesa. Bom, aí a vida complica. Mas ao mesmo tempo, ela conhece Jamie ♥ e até que não fica tão difícil assim viver sem banhos quentes.

Gostei muito do livro, acho que ele é super abrangente em temáticas, tem diálogos interessantes e engraçados e por mais que seja longo, as páginas foram bem explorad…